domingo, 25 de março de 2012

DANDO APULSO NO VESTIÁRIO

Olá
Meu nome é Pedro e tenho 23 anos
Sou branco, 1,75 de altura, 75 kilos, olhos castanhos, um pouco malhado, em forma.
Meu pau não é muito grande, tenho 15 cm.
Há pouco tempo entrei junto com um amigo meu, o Ricardo, num clube de natação aqui no rio de janeiro, com uma piscina grande.
O Ricardo tem 22 anos, moreno claro, cabelo castanhos claros quase loiro, olhos verdes, 1,70 de altura, magro com um corpo legal, e com uma bunda muito lisa e bonita. Além de ser super simpático.
Sempre tive uma queda pelo Ricardo, mas como ninguém sabe da minha opção sexual, sou Bi, e ele tem namorada, nunca cheguei nele. Até pelo fato de sermos bons amigos.
Ele que me recomendou entrarmos na natação.
Começamos a ir na natação após o expediente, chegávamos as 7 da noite.
A Aula era de 7 as 8, e o clube funcionava ate as 9 da noite.
Conhecemos o professor que por sinal não era de se jogar fora, tinha um rosto meio feio mas tinha um corpo lindo com um peitoral maravilhoso.
No primeiro dia tudo ocorreu normalmente durante a aula, fora o cansaço que deu.
Terminamos e aula e fomos para o vestiário.
O vestiário é grande com bancos e chuveiros. Mas sem nenhuma divisória nos chuveiros.
O Ricardo foi para o chuveiro de sunga, assim como eu.
Por um lado isso era bom, por que eu tinha certeza que se visse ele pelado ficaria de pau duro na hora e tinha medo que isso acontecesse.
Tomamos nosso banho e estávamos conversando sobre a aula enquanto isso.
Ao terminar o chuveiro fomos nos enxugar, então o Ricardo tirou a sunga virado de costas pra mim.
Pela primeira vez pude ver sua bundinha lisinha. Linda de morrer. Quase tive uma ereção na hora.
Mas me contive e mudei minha roupa rapidamente também.
Terminamos de nos arrumar e saímos.
Neste dia ele me chamou para jogarmos playstatin 3 na casa dele. Ele mora sozinho.
Ficamos lá bebendo e jogando ate que fui embora.

A natação era 3 vezes por semana.
No dia seguinte tudo ocorreu como de costume na natação. Eu imaginando uma sacanagem com o professor e com o Ricardo, mas era só minha imaginação.
Como de costume íamos para o vestiário e tomávamos banho de sunga.
Eu sempre olhava as picas dos outros caras que tomavam banho pelado. Adoro olhar aquelas picas moles de vários tamanhos, imaginando como seriam quando estivessem duras.
Comecei a ter varias fantasias com aquele vestiário.
No terceiro dia de natação quando estávamos tomando banho um cara veio tomar banho do meu lado pelado, o Ricardo estava no chuveiro ao lado também.
O cara era um gato, devia ter 20 e poucos anos, 1,80, peitoral lindo, barriga tanquinho, todo malhado e com uma pica que mole já era enorme, devia ter uns 10 cm mole.
Eu olhando aquela pica tão perto mas ao mesmo tempo tão longe comecei a ter uma ereção, não me contive. Com vergonha acabei logo o banho e fui me enxugar saindo com a mão na frente da sunga.
Não sei se o Ricardo reparou, mas acho que o cara tinha reparado na minha ereção.
Me troquei logo, coloquei a calça e sentei no banco esperando o Ricardo acabar.
Ele saiu do chuveiro e veio se trocar, ele abaixou a sunga mostrando sua pica. Eu não consegui não olhar e vi a pica dele. Ele foi rápido, pois parecia constrangido. E eu sentado com o pau duro já querendo agarrar aquela pica linda que ainda tinha a cabeça dentro da pele, devia ter uns 7 cm mole.
Logo depois saiu o cara do banho e começa a se enxugar dando umas olhadas pra gente de vez em quando. Obvio que eu fiquei olhando disfarçadamente aquele deus grego se enxugar. Ainda mais que ele ficava se abaixando para enxugar a perna, mostrando aquela bunda maravilhosa.
Numa das olhadas o cara me viu olhando pra ele, eu disfarcei e olhei pra baixo.
Neste dia eu sai com a pica dura, coloquei a camisa por cima para disfarçar e fomos embora.
Acho que o Ricardo não percebeu. Demorou um pouco pra minha pica voltar ao estado normal.
Passou o final de semana e na segunda estávamos de volta.
Encontrei o Ricardo e fomos nadar.
No final da aula percebi um grupo grande de alunos entrando na piscina, todos com toca e óculos.
Era um time de polo aquático que usava parte da piscina no horário de 8 as 9.
Eu perguntei ao professor o que era ele explicou que era a turma de polo que estava voltando.
Nossa, quase cai pra trás com aqueles corpos sarados e todos com rostos lindos, tirando um ou outro apenas. Todos altos e alguns morenos.
Fomos para o vestiário e saímos como normalmente.
A semana passou tranquila, eu só de vez em quando vendo aquela pica do Ricardo.
Agora também eu já me trocava virado de frente para ele, mas era sempre rápido, porem o banho ainda continuávamos tomando de sunga. Como se tivéssemos vergonha ficar muito tempo nus um da frente do outro.
Na semana seguinte o Ricardo falou que não poderia ir por causa de muito trabalho e que iria sair tarde. Então durante a semana eu fui sozinho e na sexta feira eu também acabei saindo tarde do trabalho e cheguei na natação umas 7:40 aproximadamente. Me troquei mas quando cheguei na piscina o professor falou para eu começar na aula das 8 da noite.
Comecei a aula e percebi então que também estava tendo aula de polo aquático.
Ao terminar a aula fui para o vestiário. Tinha mais dois caras lá. Os dois mais velhos.
Chegando lá eu fui tomar meu banho como de costume.
Entrei no chuveiro de sunga. De repente ouço uma confusão de gente falando alto, zoações e tudo mais. Era o pessoal do polo aquático que tinha terminado a aula.
Eles entraram e alguns foram logo pro chuveiro. Entraram dois do meu lado esquerdo e um do lado direito. Todos eles falando alto e zoando.
Na hora comecei a ficar nervoso e vendo aqueles corpos lindos com suas picas maravilhosas não deu outra, fiquei de pau duro. Tentei disfarçar, mas o cara da direita percebeu.
Nisto ele vira pra mim e pergunta, "você toma banho de sunga por que?"
Eu colocando a mão na frente respondo. "Não sei, pra lavar a sunga"
Ele  manda: "tu tem é vergonha de ficar de pau duro neh?"
Eu não repondo. Nisto os outros dois aproveitam a conversa e começam a falar, "ih ala, o cara tem vergonha de mostrar a bunda em publico?", "tira a sunga, ta com vergonha de que?"
Eles começam a insistir e chegar mais perto.
"vai, tira a sunga"
Nisso eu saio do chuveiro, mas quando vou para os bancos tem mais ou menos umas 9 pessoas peladas zoando umas às outras com toalhas na mão. Um estava batendo a toalha na bunda de outro.
Não tinha como eu ficar de costas, a minha mochila estava num banco no meio do vestiário.
Nisso o cara que estava do meu lado do chuveiro sai e aparece falando:
"ai galera, o carinha ai ta de pau duro, gostou de ver pica"
Nisso alguns me olharam e começaram a rir.
Um cara atrás de mim vai e abaixa minha sunga de supetao, ela agarra na pica, eu tomo um susto e tento segurar. Nisso outro fala: "é mermo, o cara ta com maior pica dura, ficou excitado mesmo"
Ai vem um segundo e abaixa a minha sunga ate o pé, eu tento agarrar mas não consigo.
Nisto eu falo: "para, me deixarem"
Nesta hora minha pica de 15 cm pula apontando pra cima, eu tento colocar a mão, mas o primeiro que tentou abaixar minha sunga pega meus braços e me segura por trás.
Ai o que estava no chuveiro fala: "ai galera, a gente vai ter pra hoje, vamos mostrar pra essa bichinha o que é uma surra de pica"
Na hora eu fiquei super nervoso e tentei sair correndo, mas 3 mais me seguram, dois por trás e um pela frente. Me arrastaram e me colocaram de joelhos. Nessa hora tomei um tapa na cara e o cara me mandou calar a boca e ficar quieto. Eu estava quase chorando quando ele vai e coloca sua pica já meia bomba na minha frete e fala "chupa!". Eu tentei virar o rosto mas tomei outro tapa e um safanão por trás.
Abri a boca e comecei a chupar a pica dele. Nisso todos começaram a rir e ficar em volta, vários já se punhetando e zoando: "é galera, vai ser nossa putinha hoje", "vai ter pra todo mundo heihn", "leita a dar com pau". A pica que eu tava chupando devia ter uns 19 cm, muito grossa e veiuda. Comecei a chupar com vontade. Nisso largaram meus braços e pude segurar aquela pica com vontade.
O cara tinha uns 1,80 era branco e todo malhado. Era meu sonho aquela pica. Nisso outro chega do meu lado e guia minha mão para a pica dele, comecei a punhetar, devia ter uns 17 cm e mais fina.
A outra mão logo encontrou outra pica de 16 cm.
Ao todo eram 14 homens, 11 brancos e 3 negros. Os dois caras que estavam tomando banho também estava lá já.
Ai começo a chupar a pica da direita e vejo já formando uma fila de picas ao meu redor. Alguns dos caras estavam se tocando. Tinha dois já tocando punheta um para o outro.
Nisso sinto uma mão passar nas minhas costas me puxando para cima, fazendo uma posição de quatro.
Um começa a enfiar o dedo no meu cu e falar. "ai galera, o cuzinho do cara é apertadinho"
Eu só tinha dado meu cu uma vez e senti muita dor. Na hora fiquei com medo, mas a excitação era tanta que comecei a gostar daquele dedo roedando meu cu.
De repente sinto uma língua passando no cu. Fui ao delírio nesta hora, meu cu começou a piscar.
Nisso eu passo a chupar o cara do lado, era a maior pica, um negro de 23 cm. Nunca tinha chupado uma vara daquela. Quase engasguei. Eu chupava enquanto punhetava um segundo de 18 cm aproximadamente.
O carinha que estava chupando meu cu começa enfiar dois dedos depois 3, e então começa a colocar a cabecinha bem devagar. Nisso eu começo a sentir dor, mas não paro de chupar, quando de repente ele enfia tudo de uma vez e nessa hora eu grito de dor. Paro de chupar aquela tora de 23.
A pica no meu cu provoca muita dor. Devia ter una 19 cm.
Ele começa um vai e vem frenético e eu começo a relaxar. Nisso eu troco de pica.
O carinha do meu cu sai e vem outro. Uma pica menor, mais fácil de entrar.
Ficamos nessa durante alguns minutos. O cheiro de macho no vestiário era inebriante. Eu chupando aquelas picas e tomando no cu estava no êxtase.
O carinha para de me comer e então falam: "coloca a biba em cima do banco"
Me seguraram e me deitaram no banco de arriga pra cima.
Então neste momento se formou uma roda em volta da minha boca e um por um comia meu cu.
Nesta hora entra o professor e fala bem alto "que putaria é esta aqui"
E o pessoal "tamo comendo esse viadinho aqui professor".
Ele responde, também quero participar.
Ele vai e coloca sua jeba pra fora e eu começo a chupar, devia ter uns 20 cm reto e veiudo. com uma cabeça linda. Foi a melhor pica de todas. Fiquei chupando enquanto era comido e punhetava mais dois.
Estava no êxtase.
Ficamos nisso por mais de 40 min ate que todos gozaram.
Acho que chupei todos, mas não sei se todos me comeram
Ao todo foram 15 com o professor.
Meu cu estava todo esfolado, e com gozo pra todo lado. Na boca, no cu, nas mãos, peitos, braços, pernas e ate na orelha. Eu era gozo em pessoa.
Eu mesmo gozei duas vezes Uma chupando o professor.
Todos foram tomar banho e no final eu fui tomar o meu banho.
Sai por ultimo junto com o professor que estava fechando a academia.

Na semana seguinte eu não fui, de vergonha daquilo tudo e para recuperar meu cu que estava todo assado. Mas ao mesmo queria repetir a dose.
Na semana seguinte falei com o Ricardo que iria voltar já estava com uma ideia na cabeça.
Falei para irmos na aula das 8. Ele aceitou
Chegamos na natação o professor já me deu aquela risadinha de canto.
Vi os garotões do polo entrando na piscina.
Terminamos a aula e fomos para o vestiário.
Entrei no chuveiro sem sunga e nisso o Ricardo entra depois estranhando eu não estar de sunga.
Eu falo, pó cara, tira a sunga.
Ele diz que não. Nisso eu começo a segura minha pica e tocar uma punheta, e começo a falar "cara, estou muito precisando bater uma punheta"
Nisso ele me olha de maneira estranha e fala "po, cara, ta de sacanagem que tu vai fazer isto aqui" eu falo, "por que não?"
Nisso entra o pessoal do polo aquático de novo falando alto.
Dois entram pelados no chuveiro e um fala "ih ala Rodrigo, o carinha da semana passada, já ta batendo uma punheta"
Nisso eu falo:
"pessoal, este é meu amigo Ricardo"

Mas isto é historia para um outro conto.

Nome: Pedro

2 comentários:

  1. E quando vai postar o outro conto ? agr q tava ficando interessante haha.. gozei mto.. Bjkinhs, Lukas s2

    ResponderExcluir
  2. Também sou sócio de um clube com piscina e vejo toda hora no vestiário dezenas de picas de todos os tamanhos. Fico excitado, mas me controlo e já me masturbei lá, um dia quando estava sózinho. Legal a tua história. Everton - Cx. Postal 627 - CEP 99001-970 Passo Fundo-RS. Quem quiser me escrever e se mostrar nú para mim...

    ResponderExcluir